"At the end, no winner was declared in the face-off between pens and lenses. And that’s a good thing. Whether with a pen or a camera, the act of recording things visually forces us to pay attention to our surroundings. It helps us see things with new eyes when we take the time to look. And that’s all that matters." Gabriel Campanario, fundador dos Urban Sketchers​

03 agosto 2015

A escavar o passado arqueológico de Roma na Amadora: os Rabiscos

Durante a visita às Escavações Arqueológicas da Necrópole Romana do Moinho do Castelinho o Régis Barbosa fez-nos uma visita guiada com muitas explicações daquele local e da diferença na datação de achados com 10 metros de distância e 1000 anos de diferença.


Entre os achados da Necrópole estão ossadas humanas, vasos, ferramentas, adornos, sandálias, etc. Foi mencionada a presença e importância das Lucernas nas Necrópoles Romanas e o grande achado na região de Castro Verde que deu origem ao Museu da Lucerna que visitei e desenhei recentemente numa estadia no Alentejo.


Depois de uma visita à Vila Romana  fomos ao Museu Municipal de Arqueologia, também em visita guiada, e onde muitos dos achados das escavações estão expostos.


A dificuldade de desenhar em ambiente de visita guiada é muita, pois tentamos desenhar e ouvir ao mesmo tempo e escrever alguns comentários que nos parecem mais interessantes. Desenhei esta maquete com muito mais calma e dedicação que os anteriores no final da visita.


Depois de ter deixado algumas pessoas no comboio em Lisboa meti-me ao caminho de regresso a casa mas, quando dei por mim, estava novamente na Estrada da Falagueira a desenhar a paisagem do Moinho do Castelinho e dentro do Museu a desenhar as tão curiosas sandálias romanas. 



O Museu encerrou e eu deitei-me no relvado do Parque Aventura a ler as brochuras que o segurança do museu me ofereceu e a pensar que voltaremos em breve para explorar mais deste tema e deste local cheio de boas surpresas. 

As fotos estão no post anterior AQUI

3 comentários: