"At the end, no winner was declared in the face-off between pens and lenses. And that’s a good thing. Whether with a pen or a camera, the act of recording things visually forces us to pay attention to our surroundings. It helps us see things with new eyes when we take the time to look. And that’s all that matters." Gabriel Campanario, fundador dos Urban Sketchers​

08 março 2016

A casa de Roque Gameiro

Ali onde o grande mestre da aguarela viveu, os olhos e o pincel perderam-se no fascinante rendilhado de formas e cores numa anestesia tal que o  tremer de frio era coisa  secundária. Depois fomos  aquecer o corpo e a alma num agradável convívio de chás e torradas. 


       Isabel Fernandes

1 comentário:

  1. Tenho pena de não ter ido a este encontro, alías tenho pena de não conseguir ir a todos...
    Cá está a aguarela a definir o desenho quase sem traços de contorno, gosto muito.

    ResponderEliminar